julho 09, 2007

Entusiasmo: o sentimento mais precioso que há

Porque sem o entusiasmo todas as coisas perdem viço, beleza e sentido. Não há nada capaz de tocar e comover uma pessoa que não possua entusiasmo na maneira de ver o mundo. Nem a natureza, nem o dinheiro, nem o sentimento do outro, nem as realizações profissionais. Pois, quando falta o entusiasmo nessas coisas é como se faltasse a celebração e a alegria em conquistá-las.
O entusiasmo, palavra de origem grega, tem um sentido muito delicado que é: “ter Deus dentro de si”. Não se trata de um Deus unitário e soberano, já que os próprios gregos acreditavam que existiam múltiplas formas de Deus se manifestar (politeísmo). Mas, um Deus que é sinônimo do que temos de mais soberano e transcendente. Ter Deus em nós é como compartilhar toda a beleza, toda a alegria, a tristeza, a grandeza e os precipícios que compõem a vida. Uma espécie de natureza singular que contém o universal e o particular. Ter Deus. Ter vida: em toda sua contradição e força.
Por isso, entusiasmo não é sinônimo de otimismo. Ser otimista é esperar que as coisas dêem certo. Uma espécie de "espera feliz". O entusiasmo não é uma espera, mas uma ação. Ser entusiasmado é comover-se com todas as coisas, ver em todas elas um potencial. E, acima de tudo, ser entusiasmado é acreditar em sua própria potência e força. Uma espécie de "coragem alegre" em acreditar na vida e acima de tudo em acreditar em si próprio. Na força transformadora e efetiva dos seus sonhos.
Entusiasmar-se é ser tomado pela vida e por ela comover-se e mover-se.

2 comentários:

Fabíola Paiva disse...

Isabelle!
Amei o seu post! Muito legal tudo que vc escreveu! Precisamos sim ser entusiasmados e acreditarmos nos nossos sonhos! =)
Atualizei o blog, dá uma passada lá...
e mandei um email pra vc!
Beijos
Fabíola

Isabelle Anchieta de Melo disse...

Que bom Fabíola que gostou. É uma arte a de não perder o desejo e a paixão pelas coisas. Muitas vezes as experiências são duras e as relações também. Cabe a nós manter o brilho nos olhos e a alma imaculada para termos entusiasmo acima de tudo...

Obs. Para quem não sabe a Fabíola possui também um blog que está recomendado na coluna à direita sobre Jornalismo de Moda. Ela é uma das poucas pesquisadoras do tema (tanto pela maneira inteligente que o faz como pelo ineditismo das discussões- vale conferir)