outubro 19, 2007

Professora vence prêmio nacional “Rumos” Itaú Cultural com artigo sobre Jornalismo Cultural


Reportagem: Itaúna Acontece, por Sérgio Cunha

É com muita alegria que compartilho com vocês ( alunos; colegas; amigos e familiares) a notícia que fui agraciada com o prêmio Rumos 2007/2008, Itaú Cultural na categoria professor universitário. Foram 238 inscritos e, desses, 9 professores do Brasil foram selecionados – sendo eu a mais jovem a ganhar o prêmio.
Fizeram parte da comissão que premiou o artigo: o representante da SBPJor (Associação Brasileira de Pesquisadores em Jornalismo), o doutor e jornalista Antônio Holfeld; a representante do FNPJ (Fórum Nacional de Professores de Jornalismo), a doutora em Comunicação, Sandra de Deus e o jornalista e gerente do Núcleo de Diálogos do Itaú Cultural, Claudiney Ferreira. O "Rumos Itaú Cultural" é um dos mais abrangentes programas de estímulo à produção artística e cultural do Brasil. Pioneiro no mapeamento da produção artística contemporânea, já apoiou o desenvolvimento de 457 projetos em Artes Visuais, Cinema e Vídeo, Música, Dança, Literatura, Mídia Arte, Literatura-Audioficções e Jornalismo Cultural. Desde a sua criação, em 1997, até hoje, levou a obra de mais de 750 artistas a cerca de 1,5 milhão de pessoas.
O título do artigo que escrevi é “Jornalismo Cultural: por uma formação que produza o encontro da clareza do jornalismo com a densidade e complexidade da cultura”. Nele, defendi que é preciso entender o jornalismo cultural para além da crítica da Indústria Cultural, tratando sem preconceito seus produtos (novelas, reality shows, séries e etc.) e para além de uma visão muito generalista do que é cultura. Defini, assim, o jornalismo cultural como aquele capaz de compreender e comunicar a força e a complexidade das obras culturais de forma reflexiva, simples e ampla. O artigo será publicado, posteriormente, no site do Itaú Cultural e divulgo quando estiver no ar.
Vou para São Paulo em dezembro para receber a premiação que inclui a publicação do artigo e a participação mensal, durante 2008, de fóruns virtuais sobre o tema.
Estou, como imaginam, muito feliz pelo reconhecimento da produção intelectual. Feliz, por ser este um sinal que meus desafios não foram em vão e que certas circunstâncias difíceis não podem nos desviar do que temos de mais potente e verdadeiro.
Quero dividir essa alegria com todos os amigos e alunos a que tenho profundo respeito para sentir esse momento com toda a intensidade e “pedaço de eternidade” a que temos direito em bons momentos.


14 comentários:

Petterson disse...

Olá, parabéns! Estou pesquisando sobre jornais no interior de minas gerais e li o resumo do seu trabalho "As singularidades do jornalismo no interior de Minas Gerais". Gostaria muito de ler o trabalho todo, onde posso achá-lo? Sou jornalista, reporter da Radiobras em São Paulo. Se puder entrar em contato: pettersonr@radiobras.gov.br

DanielHenrique disse...

O que mais eu poderia dizer? Se escrevesse parabéns seria muito normal, afinal de contas, usemos os diversos idiomas, de diversas culturas, para tentar:

Inglês: congratulations, felicitations.
Alemão: Glückwunsch, Gratulation.
Espanhol: felicitaciones, congratulaciones, pláceme.
Italiano: complimenti, congratulazioni, rallegramenti.

E por último, em Francês:
Mes compliments! Mes félicitations.

Que seus esforços possam produzir degraus. À medida em que você os sobe, leve outros que não acreditam que também possam subir. Poia a beleza do crescimento é linda quando transforma o mundo e as pessoas.

O 4°Periodo de Jornalismo, juntamente com "O PARTIDO", parabeniza você.

Sucesso contínuo.

Daniel Henrique

Isabelle Anchieta de Melo disse...

Obrigado Petterson. Que bom conhecê-lo. Quanto ao artigo que publiquei no Observatório da Imprensa, trata-se de um resumo da minha dissertação de mestrado que defendi em 2006 na UFMG.
Entro em contato via email para te passar o material,

Atenciosamente,

Isabelle Anchieta de Melo disse...

ESPETÁCULO!!! Adorei. Super original, como não poderia deixar de ser “partindo” de um integrante do “partido”. Mas, falando sério, amei a atenção e o carinho. Em especial me comoveu a imagem da escada. O de subir e deixar os degraus. Bonito. Forte.

Valeu Daniel por compartilhar comigo essa alegria,

Grande Abraço e nos encontramos logo mais,

Isabelle Anchieta de Melo disse...

Querida Mariana,
vi seu comentário que foi postado em outro texto "samba sobre o infinito"...Primeiro, muito obrigado pelo carinho. Esse é um momento em que as pessoas verdadeiramente especiais se manifestam para mim. Aproveito e mando um enorme beijo a todos os alunos de Divinópolis que tem enviado emails e compartilhado comigo esse momento. Saibam que moram em meu coração e que tenho por vocês um eterno carinho, pois são parte significativa do que me constitui como pessoa e professora. Me ensinaram valores humanos, afetivos e profissionais que nunca esquecerei. Registro aqui meu profundo respeito e afeto.

Roberto Marques disse...

"A felicidade é um bem que se multiplica ao ser dividido."

Marxwell Maltz

Olá Professora é meu primeiro comentário aqui no seu Blog, e acho que por se o primeiro casou numa boa hora para deixar postado aqui o que lhe disse pessoalmente "Deus te abençõe". Que essa conquista continue sendo o passo para suas grandes e fantasticas realizações.
Parabéns e que esse prêmio possa trazer muitos frutos e o reconhecimento devido que cabe a sua pessoa que é
inteligente,
carismática,
bonita,
especial,
brilhante......


Um forte abraço
Roberto Marques

Isabelle Anchieta de Melo disse...

Querido Roberto,

Para começar: Amém!
Mas, há algo que destacou na epígrafe que gostaria de comentar. Estou vivendo exatamente a multiplicação da felicidade. Isso, porque pessoas, como você, estão compartilhando comigo essa conquista. Recebi, na minha caixa de email mais de 70 mensagens de alunos, ex-alunos de Divinópolis, amigos, familiares, ex-colegas do mestrado e da graduação, professores da graduação e do mestrado. Há mensagens belíssimas que revelam que essas pessoas realmente compartilham essa conquista, vibram com essa vitória, pois muitos sabem que minha trajetória contém muitas batalhas (algumas muito duras). Mas, sobrevivi, não só por mim, mas para revelar que vale a pena lutar pelo que acreditamos de forma digna. Digo que o alimento que recupera as minhas forças é exatamente esse carinho que, graças a Deus, recebo. Obrigado pela atenção Roberto, você que tem sido uma pessoa muito especial e carinhosa comigo,

Obs. Pode voltar a me visitar na sala de aula, viu!

Mateus Eduardo disse...

Oi Isabelle, não sei se lembrará de mim. Mas fui seu aluno da Fadom no ano passado. Tive ensinamentos de Teoria da Comunicação com você no primeiro semestre.
Queria dizer que fico feliz e entristecido ao ler sobre este prêmio recebido.
Fico extremamente feliz pois é mais que merecido. Pelo que pudemos conhecer de você temos apenas elogios a fazer. Tanto da pessoa quanto da profissional!
Fico triste pois tenho um sentimento de perda, já que não mais temos aquelas excelentes aulas! E saber que não temos como professora uma MESTRA premiada nacionalmente. Mas esse sentimento passa logo, pois sei que ao fechar uma janela se abriram os portões para algo muito maior!

No mais parabéns e muito sucesso!
Inté Algum Dia!

ps: nos os seus antigos alunos estamos divulgando em massa a notícia do seu prêmio! Queremos que todos saibam!

Isabelle Anchieta de Melo disse...

Querido Mateus,

Claro que me lembro de vc e do belo trabalho que apresentou na disciplina (sobre a Teoria Empírico Experimental). Guardo também com o maior carinho nossa relação em sala de aula. Gostava, aliás, de toda a turma, e não me esqueceria de você que sempre esteve à frente das coisas, engajado em fazer sempre o melhor (e fazia).
Quanto a ficar triste, queria te dizer que sempre poderão contar comigo em qualquer ocasião. Tenho um respeito enorme por você e pelos colegas porque forjamos uma relação pautada pelo respeito e pela admiração mútua. A propósito o próprio blog foi criado para não perdermos o contato e para repassar tudo o que fico sabendo sobre cursos, palestras, concursos e estágios.
Tenho muita saudade, não posso negar. Mas, sei que você e que todos devem também crescer e seguir um caminho. Caminho, esse, que gosto de acompanhar e que vou certamente vibrar muito de alegria e orgulho assim como tem feito comigo agora.

A propósito muito obrigado pela atenção e pelo carinho. Fiquei especialmente sensibilizada com o fato de divulgar aos outros colegas.

Com carinho, saudade e respeito,

Luciano Soares disse...

Isabelle, quando li o email que me trazia a grata notícia da sua premiação, uma série de sentimentos diferentes me invadiu o peito. O primeiro foi de orgulho por ter sido seu aluno; o segundo, de revolta, por terem nos tirado a dádiva de poder beber na sua sapiência; o terceiro, de felicidade, por finalmente chegar o quase tardio reconhecimento que você merece; e o quarto, de saudade, em que ropousa a vontade de vê-la, trocar idéias e aprender ainda mais com você.
Parabéns! Da sua capacidade e sabedoria eu já tinha plena convicção. A sua humildade as confirmam.
Queria te mandar um livro meu, se puder me enviar o seu endereço... Meu email é: lucianosoares@fadom.br
Tenho um blog tb, se puder visite-o e comente: www.imagemeletra.blogspot.com/

Continue brilhando sempre. Espero ve-la um dia.

Um abraço!

Luciano Soares

Isabelle Anchieta de Melo disse...

Querido Luciano,

já visitei seu blog e mandei o email. Fiquei impressionada com sua produção. Resultado do seu engajamento e talento. Sinto também sua falta, das nossas conversas nos intervalos. Saudade mesmo. Mas, como disse no email, estou aqui. É só entrar em contato. E, que bom que posso agora acompanhar suas coisas pelo blog,

Grande abraço,

Giovani Lima disse...

Giovani Lima parabeniza pelo prêmio e deixa destaque na coluna do Jornal Agora. Veja no site www.giovanilima.com.br (dia 30/10)

Isabelle Anchieta de Melo disse...

Querido Giovani,

que alegria seu contato! Fiquei emocionada com a publicação da notícia em sua coluna. Primeiro pelo respeito ao seu trabalho e segundo que isso soa como uma consideração e um carinho seu, dos colegas e divinopolitanos com o meu trabalho. Tenho, a cada manifestação dessa, reforçado o meu laço afetivo e meu respeito com Divinópolis. Obrigado pelas considerações do texto e pela foto.
Estou tentando um contato seu para agradecer,
Se puder passe seu telefone pelo meu email: isabelleanchieta@gmail.com
Grande abraço e obrigado por essa atenção e carinho,

Débora Lucas disse...

Oh..isabelle...eu nao sabia do premio..pra mim passou batido na correria do final do semestre...
PARABÉNS....vc merece todo sucesso...que em 2008 vc tenha felicidades em dobro....
Beijos.