outubro 11, 2016

O mais persistente movimento social desde a redemocratização


Já são três anos desde 2013. De lá pra cá, os brasileiros saíram às ruas mais de 18 vezes em uma centena de cidades. Um recorde de persistência dos cidadãos que, nesse fim de semana, mais uma vez, colocaram a camisa com as cores da bandeira e foram combater o que compreendem ser o maior problema do País: a corrupção. Na pauta atual, estão também: a saída definitiva da presidenta Dilma, a aprovação das 10 medidas de combate à corrupção, a prisão de todos os políticos corruptos (independentemente de seu partido) e a renovação do quadro político.
Não é pouca coisa. A começar pela derrubada de um (a) presidente (a). E estão conseguindo. Isso mesmo. Engana-se quem pensa que Dilma será deposta pelo Congresso e pelo Senado. Ela foi deposta, antes, pela população e pelas ruas. Um ‘recall informal’, por assim dizer (que deveria, sim, ser institucionalizado, para evitar o longo desgaste do País).

PARA CONTINUAR LENDO ACESSE: http://brasil.estadao.com.br/blogs/tudo-em-debate/o-mais-persistente-movimento-social-desde-a-redemocratizacao/


Nenhum comentário: